03 fevereiro 2010

A IGREJA, O REINO E OS SANTOS

A IGREJA, O REINO E OS SANTOS

Duas a três vezes ao mês Transformando (no formato de uma “newsletter”) é enviado pelo Greater Revival Ministries a mais de 25000 pessoas. Dentre estes, mais de 15000 pastores e líderes podem ler uma mensagem bíblica, relevante e contemporânea, baseada no conceito e na verdade eterna do Reino de Deus.

Com alegria gostaríamos de anunciar que iremos disponibilizar audios e videos de mensagens no nosso podcast http://jsalum.podbean.com

O primeiro audio tem como título A mensagem do Reino. Para acessar é só clicar neste link http://jsalum.podbean.com e em seguida clicar LISTEN NOW para ouvir ou “download” para fazer o download.

Os vídeos e audios que serão postados no http://jsalum.podbean.com têm o mesmo objetivo de ensinar, treinar e equipar os santos (discípulos de Jesus) para realizarem a obra do ministério (serviço) em todos os níveis da sociedade onde estão inseridos.

Os ministérios e os dons do Espírito não são exclusivos para as reuniões dos santos, ou seja, para a Igreja.



Os santos são equipados para fazer a obra do ministério em seus lares, nas escolas, nos locais de trabalho e em todas as esferas da sociedade.

É preciso desmistificar os dons como sendo de uso exclusivo para a Igreja, porque os dons não são instrumentos religiosos, mas a capacitação de Poder do Alto para que os discípulos de Jesus sejam testemunhas DEle em todo o lugar onde vivam ou por onde andam.

Visa transformação, naquele mesmo processo que começa em todo aquele que nasce de novo.

A pessoa nasce de novo para entrar no Reino de Deus e não simplesmente para ser salva.

Para ser salvo é só invocar o Nome de Jesus ou crer nEle para a vida Eterna.

Nascer de novo ou ser regenerado é a maior transformação que o ser humano pode experimentar. Ele sai de um reino e é transportado para outro. Das trevas para a Luz. Ao entrar no Reino sua vida é eterna. Os céus entram em seu interior. O Reino de Deus está em vós, proclamou Jesus. O espírito é transformado, passou da morte para a vida.

Sua alma a partir daí é transformada a cada dia, de glória em glória, transformada à imagem de Cristo pelo Espírito do Senhor.

É desafiada a transformar-se pela renovação da mente até a culminação da transformação do corpo para recebermos o Rei da Glória que retornará à Terra do mesmo modo que os primeiros discípulos O viu subir.

Discípulos de Jesus são todos reis e sacerdotes que reinam sobre a Terra. Não são subjugados ou oprimidos por nenhum outro semelhante, seja de qualquer ordem, seja familiar, seja política, seja eclesiástica ou de quaisquer outras.

Todos os santos são reis e sacerdotes, sujeitos exclusivamente ao Único Rei dos reis e Senhor dos senhores, Jesus Cristo.

A Igreja é a reunião do Reino.

Igreja é igreja quando os santos estão reunidos. Afirmar isto é redundante, porque igreja, reunião e assembléia são palavras sinônimas no Novo Testamento.

A “Ekklesia” (palavra grega para igreja no Novo Testamento) é uma "reunião" para transformar a cidade (a polis) com a proclamação do Evangelho do Reino.

Os pés dos que anunciam as Boas Novas proclamam que o Senhor Reina. Quando? Aqui e agora.

No primeiro século falar em “Ekklesia” como Jesus usou o termo era o mesmo que desafiar a “ekklesia” romana ou grega sujeita a César, senhor e imperador. A Ekklesia romana era representada pelo senado romano para decidir os assuntos do Império. Vem Jesus e fala agora de Sua Ekklesia para tratar dos assuntos do Reino.



A “Ekklesia” em Nome de Jesus, ou seja, a igreja em Nome de Jesus ou dois ou três reunidos no Seu Nome tem autoridade dos Céus.

Não se refere aqui àquilo que chamamos de igreja hoje como sendo uma organização, instituição ou grupo eclesiástico. Não se refere a um poder especial concedido a alguns superiores. Não existe clero nem leigos na Igreja, só existem santos. Todos são sacerdotes do Deus Altíssimo. Na Igreja pastores (os presbitéros)e os novos, enfim, todos os santos são ovelhas do Sumo Pastor Jesus Cristo.

É afinal o cumprimento do que o Senhor proclamou no deserto:

"Agora, pois, se atentamente ouvirdes a minha voz e guardardes o meu pacto, então sereis a minha possessão peculiar dentre todos os povos, porque minha é toda a terra; e vós sereis para mim reino sacerdotal e nação santa. São estas as palavras que falarás aos filhos de Israel."
(Êxodo 19:5-6)

"Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as grandezas daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz; vós que outrora nem éreis povo, e agora sois de Deus; vós que não tínheis alcançado misericórdia, e agora a tendes alcançado." (I Pe 2:9-10)

“Disse-lhe Jesus: Bem-aventurado és tu, Simão Barjonas, porque não foi carne e sangue que to revelou, mas meu Pai, que está nos céus. Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do hades não prevalecerão contra ela; dar-te-ei as chaves do reino dos céus; o que ligares, pois, na terra será ligado nos céus, e o que desligares na terra será desligado nos céus.” (Mat 16:17-19)

“Assim também não é da vontade de vosso Pai que está nos céus, que venha a perecer um só destes pequeninos.

Ora, se teu irmão pecar, vai, e repreende-o entre ti e ele só; se te ouvir, terás ganho teu irmão; mas se não te ouvir, leva ainda contigo um ou dois, para que pela boca de duas ou três testemunhas toda palavra seja confirmada.

Se recusar ouvi-los, dize-o à igreja; e, se também recusar ouvir a igreja, considera-o como gentio e publicano.

Em verdade vos digo: Tudo quanto ligardes na terra será ligado no céu; e tudo quanto desligardes na terra será desligado no céu.

Ainda vos digo mais: Se dois de vós na terra concordarem acerca de qualquer coisa que pedirem, isso lhes será feito por meu Pai, que está nos céus.

Pois onde se acham dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles.” (Mat 18:14-20)

A Igreja (esta ecklesia dos santos) responde somente ao Sumo Pastor: Jesus Cristo. É revolucionária pois contende com todas as outras reuniões. Tem sua própria cultura. Não se adapta à cultura vigente e pertinente muito menos é regida por regras, regulamentos e códigos de conduta.

A Igreja se dissolve quando os santos deixam de se reunir. Os santos permanecem porém sendo Igreja pois estão ligados a eterna e indissolúvel assembléia universal.

A Igreja é a reunião eterna do Reino dos Céus. É a assembléia dos primogênitos, a Jerusalém celestial. Sendo assim, a Igreja nunca habitará em cidade alguma seja terrena ou do além. A Igreja é a própria Cidade de Deus onde Ele habita. Porque Jesus Cristo tem somente uma Noiva, uma só Esposa. A Noiva do Cordeiro é a Igreja. A Nova Jerusalém, a Esposa do Cordeiro é a Igreja.

“Mas tendes chegado ao Monte Sião, e à cidade do Deus vivo, à Jerusalém celestial, a miríades de anjos; à universal assembléia e igreja dos primogênitos inscritos nos céus, e a Deus, o juiz de todos, e aos espíritos dos justos aperfeiçoados.” (Heb. 12:22-23)

"E vi um novo céu, e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe.

E eu, João, vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que de Deus descia do céu, adereçada como uma esposa ataviada para o seu marido.

E ouvi uma grande voz do céu, que dizia: Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus estará com eles, e será o seu Deus.

E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas.

E o que estava assentado sobre o trono disse: Eis que faço novas todas as coisas. E disse-me: Escreve; porque estas palavras são verdadeiras e fiéis.

E disse-me mais: Está cumprido. Eu sou o Alfa e o Omega, o princípio e o fim. A quem quer que tiver sede, de graça lhe darei da fonte da água da vida.

Quem vencer, herdará todas as coisas; e eu serei seu Deus, e ele será meu filho.

Mas, quanto aos tímidos, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos fornicadores, e aos feiticeiros, e aos idólatras e a todos os mentirosos, a sua parte será no lago que arde com fogo e enxofre; o que é a segunda morte.

E veio a mim um dos sete anjos que tinham as sete taças cheias das últimas sete pragas, e falou comigo, dizendo: Vem, mostrar-te-ei a esposa, a mulher do Cordeiro.

E levou-me em espírito a um grande e alto monte, e mostrou-me a grande cidade, a santa Jerusalém, que de Deus descia do céu." (Ap. 21:1-9)

Individualmente os santos respondem ao Rei Jesus. Vivem e operam no Reino. São embaixadores de Jesus ao mundo. Dotados do ministério da reconciliação apelam a todos os homens para que se reconciliem com Deus pela mensagem da Cruz de nosso Senhor Jesus.

“Mas todas as coisas provêm de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por Cristo, e nos confiou o ministério da reconciliação; pois que Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não imputando aos homens as suas transgressões; e nos encarregou da palavra da reconciliação. De sorte que somos embaixadores por Cristo, como se Deus por nós vos exortasse. Rogamo-vos, pois, por Cristo que vos reconcilieis com Deus.” (II Cor. 5:18-20)

O Reino de Deus é o Tesouro escondido e a Pérola de grande valor. Quem deseja o Tesouro escondido ou a Pérola preciosa para si vende tudo quanto tem e compra o campo que esconde o Tesouro e compra a Pérola de grande valor.



“O Reino dos céus é semelhante a um tesouro escondido no campo, que um homem, ao descobrí-lo, esconde; então, movido de gozo, vai, vende tudo quanto tem, e compra aquele campo. Outrossim, o reino dos céus é semelhante a um negociante que buscava boas pérolas; e encontrando uma pérola de grande valor, foi, vendeu tudo quanto tinha, e a comprou. (Mat. 13:44-46)

A Revelação do Reino traz implicações profundas em todos os aspectos da vida, da sociedade e da igreja.

Viver a mensagem do Reino é muito mais revolucionário do que qualquer movimento social que jamais existiu. As consequências são ilimitadas, o preço nunca mais alto do que o Sangue que Jesus derramou e a Restauração de todas as coisas, profetizada pelos profetas, inevitável.

“Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, de sorte que venham os tempos de refrigério, da presença do Senhor, e envie ele o Cristo, que já dantes vos foi indicado, Jesus, ao qual convém que o céu receba até os tempos da restauração de todas as coisas, das quais Deus falou pela boca dos seus santos profetas, desde o princípio.” (At 3:19-21)

“E tocou o sétimo anjo a sua trombeta, e houve no céu grandes vozes, que diziam: O reino do mundo passou a ser de nosso Senhor e do seu Cristo, e ele reinará pelos séculos dos séculos.” (Apo 11:15)

Wassalam Issa Akbar

Josimar Salum
2/2/2010

Nenhum comentário: