07 fevereiro 2009

O ESPÍRITO DE PSEUDO-ACONSELHAMENTO

Josimar Salum

Publicado originalmente em Dezembro/98 & Janeiro/99

Um dos ministérios mais necessários para a Igreja hoje como foi no passado é o ministério de aconselhamento.

Aconselhamento está imbutido no ministério pastoral como delineado pelo apóstolo Paulo em Efésios capítulo 4: “Ele mesmo deu uns para... pastores...”: Pastores é um dos cinco dons ministeriais que Jesus deu aos homens para o equipamento dos santos para a edificação do Corpo.

Não vou entrar nos méritos, na amplitude e no ensino desta questão do ministério pastoral nem dizer que o aconselhamento é somente tarefa dos pastores, porque definifivamente não é. Vou afirmar que o verdadeiro conselheiro é aquele que é guiado pelo Espírito de Deus, conhece pessoalmente e intimamente o Maravilhoso Conselheiro e os seus conselhos são baseados somente na Palavra de Deus.

Hoje quando se menciona em aconselhamento logo relaciona-se a ele “o ministério de cura interior” como é chamado.

Jesus cura o espirito do homem na sua amplitude. Jesus cura o corpo humano completamente e Jesus também cura a alma do homem com sua vontade, com seu intelecto e com suas emoções e sentimentos.

É preciso ter cuidado com estes conselheiros que ficam valorizando demais os seus traumas do passado e usam estes traumas para justificarem suas reações no presente. Com estes que usam frases como estas: “Você age assim porque seu pai tratou você assim no passado. Você está traumatizado porque no passado você sofreu este tipo de bloqueio, quem sabe até quando você estava no ventre de sua mãe. Você tem alguma coisa guardada no seu coração que ninguém sabe, você não sabe, eu não sei, precisamos descobrir... Etc. Etc. Etc.”

De fato quando nos convertemos a Jesus trazemos mágoas em nossas memórias e no nosso interior. Como também quando vimos a Ele existem pactos feitos com Satanás no passado que precisam ser conhecidos e quebrados.

Mas aquele que vem a Jesus e crê e confia no Seu sacrifício na Cruz do Calvário recebe poder para perdoar, recebe poder para ser curado e recebe poder para quebrar todas as maldições e pactos de Satanás sobre a sua vida.

A Cruz de Jesus é o centro de toda a restauração do homem. O Sangue que Jesus verteu na Cruz tem poder para purificar, tem poder para perdoar, tem poder para apagar todas as marcas de pecado e destruir todos os pactos satânicos da sua vida.

O Calvário, a morte de Jesus satisfez o coração de Deus, o coração do Pai quanto aos nossos pecados. O Pai aceitou o Sacrificio de Jesus. Sua justiça foi satisfeita. A morte de Jesus, o Seu corpo ferido, o Seu sangue derramado, o Seu sofrimento, a Sua agonia, Seu grito de “Está consumado” satisfez o coração de Deus. Deus aceitou e aceita o sacrifício de Jesus e por isto nos perdoa. É por isto, que todo o pedido que Jesus faz ao Pai em relação a nós, Ele atende. O Pai bradou várias vezes e todo o universo escutou Sua voz. Todo o inferno escutou a voz de Deus quando Ele disse: “Este é Meu Filho, NEle está todo o meu prazer.” Aleluia.

A irmã Pickett em seu livro “The Next move of God” (O Próximo mover de Deus) pergunta: “Se o Calvário, a morte de Jesus satisfez o coração de Deus quanto aos nossos pecados, por que o Calvário não seria suficiente para satisfazer nossas mentes?”

Assim é que quando você vem a Jesus com seus traumas, opresso pelo diabo, endemoniado, amargurado, traumatizado, emocionalmente ferido, você vem arrependido de seus pecados e clama a Ele o Seu perdão, Ele Jesus, o amado Jesus te salva, te cura, te liberta.

A obra de Jesus no Calvário é eficaz (não há nada mais a ser feito para que você seja salvo ou nada ha nada que o diabo venha exigir para que possa ser expulso da sua vida). O Sangue de Jesus é todo eficaz é completamente suficiente. Quando clamamos o Nome de Jesus Satanás tem que fugir. Ele foge mesmo. Quando aplicamos o Sangue de Jesus o poder das trevas não pode atuar mais. Aleluia.

O sacrifício de Jesus no Calvário é substitutivo. Ele morreu em seu lugar. Jesus é o seu mediador, Ele está entre você e Deus. É reconciliador. Deus aceita a intercessão de Jesus em seu favor. Ele é Aquele e só Ele pode fazer as paz entre você e Deus.

O sacrifício de Jesus é vicário. Ele morreu em seu favor, no seu lugar. Jesus aceitou sobre si todo o juízo e a ira de Deus que seria contra você.

O sacrifício de Jesus no Calvário é o bastante para redimir, remir, resgatar, alforriar, libertar e livrar você das penas do inferno e de Satanás.

Assim também o sacrifício de Jesus no Calvário é o bastante para te curar interiormente, para restaurar suas emoções e seus sentimentos, para restaurar seus relacionamentos com seus pais, com o marido, com a esposa, com os filhos, com seus parentes, com seus irmãos.

O sacrifício de Jesus no Calvário é o bastante para te livrar dos fantasmas do seu passado, de ressentimentos, das suas mágoas, dos traumas da sua mente, da depressão que aprisiona, da angústia que parece que não vai embora. O Sangue de Jesus tem poder para curar as tristezas do seu coração.

O psicólogo pode entender o meu problema, mas só Jesus pode resolvê-lo. O psiquiatra pode ajudar a aliviar a minha depressão, mas só Jesus pode curá-la. O psiquiatra sabe muito bem diagnosticar nossas enfermidades da mente: neurose, psicopatia, esquisofrenia, etc. Mas Jesus, Jesus levou sobre Si todas as nossas enfermidades. O castigo que nos traz a Paz estava sobre Ele e pelas Suas pisaduras somos sarados.

Se você carrega mágoas, ressentimentos e amarguras eu te convido a chegar aos pés da Cruz de Jesus Cristo. Na Cruz você encontra o Sangue do Cordeiro Bendito, Santo e Imaculado de Deus. O sangue de Jesus tem poder para curar o seu coração ferido.

O pseudo-aconselhamento é aquele que sempre culpa os outros. “Você está assim por causa do seu pai, por causa da sua mãe, por causa do seu marido, por causa da sua esposa. Você está assim, coitado! por causa do seu pastor. Sabe, não existe igreja mesmo boa, é difícil hoje encontrar um lugar onde possamos nos sentir bem!” Saí demônio de engano! Saí demônio de mentira!

Estou cansado de ouvir pregadores do Evangelho, P.h Ds. especialmente, que tentam fazer eu engolir que Freud foi um sábio de nossos tempos e afinal de contas precisamos da ajuda de seus escritos e de sua psicanálise para ajudar a Igreja de Deus. O que será que este filho das trevas, este ímpio chamado Sigmund Freud (que por sinal já morreu) tem para o povo de Deus que a Bíblia não tem? Não desmereço a sua ciência, não me interpretem mal, mas eu prefiro ficar com Jesus, com o Seu Sangue e a Sua cruz. Aleluia.

Se você tem recalques, traumas, mágoas, carnalidades, egoísmos, venha para a Cruz de Jesus e troque tudo isto pela Vida e pelo Caráter de Jesus. Para isto somos chamados por Deus, para sermos santos.

Somos chamados à santificação! Mortificai (fazei morrer) em você a prostituição, a impureza, o apetite desordenado, o vil desejo da carne, a amor ao dinheiro e o amor às coisas materiais, a amargura, a mágoa, o ressentimento, a ira e o ódio. Revista-se de Jesus e de Seu caráter. Quanto ao trato passado, “esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estam diante de mim, prossiga para o alvo...” O alvo é a Vida, o Exemplo e o Caráter de Jesus. (Cf. Cl. 3:5; Ef. 4:24-32; Fp. 3:14, 14)

Seguir a Jesus é negar-se a si mesmo, é renunciar o “eu”. Como ensina Freud, “o ide, o ego e o super-ego. Ajunta tudo e leva para a Cruz! Já pensou! tem até super-ego!

Pois é, tome este ego mal cheiroso, egoísta, mal, pecaminoso, inclinado as paixões da carne e crucifica-o na Cruz. “Já estou cruficado com Cristo, e não vivo eu, mas Cristo vive em Mim e a vida que eu agora vivo na carne, vivo-a na Fé do Filho de Deus, o qual me amou e se entregou a si mesmo por mim.” (Gl. 2:20)

Quer vir a Jesus? Negue-se a si mesmo, tome a cada dia a sua cruz e siga-O. A cada dia você tem que vir à Cruz com todas as ofensas que sofreu, as iras que estravasoi, as mágoas que guardoi, enfim, vai a Cruz a cada dia para ser purificado e tomar a Vida de Jesus sobre você. Vai até a cruz com esta carga de lixo do pecado, deixa Seus sangue limpar seu coração e receba a Vida que há no Seu sangue.

Nós devemos procurar ajuda e aconselhamento de cristãos que ministram a nós através da Unção e da Verdade do Espírito Santo. Palavra de Deus e Poder de Deus. Poder sim, mas Poder que vem da Palavra de Deus.

Encontramos libertação de nossa natureza pecaminosa através do sangue de Jesus. Quando a vida de Cristo flui em nós e através de nós somos livres para amar os outros. Se você não vem a igreja porque está magoado com o pastor, com um irmão, é porque a vida de Jesus não está fluindo em você. Quando você vê mais os defeitos e os erros de seus irmãos do que a qualidade deles é porque você não pode, por causa dos seus próprios erros e defeitos, enxergar melhor. Está em trevas e a vida de Jesus não está fluindo através de você.

Nestes caso, quanto tem um proplema com outro irmão, ou uma reclamação da igreja ou do pastor ou do marido, o que quase algumas pessoas fazem? Vão buscar aconselhamento com pseudo-conselheiros, conselheiros falsos, que irão concordar com elas, nutrirão sua autopiedade e destruirão suas vidas espirituais em vez de curá-las.

Saiba de uma coisa, tudo o que te afasta do convívio da igreja, do convívio dos crentes gerado por conselhos seja lá de quem for vem de Satanás. Na Igreja, debaixo da liderança espitirual estabelecida por Deus você estará protegido. Você pode não concordar com isto, mas é a sua proteção e de sua família que está em jogo. Aquele que perdeu sua fé de que Jesus tem uma Igreja santa, pura, viva, perdeu sua fé em Jesus.

Crentes que se ofendem facilmente, reclamam de tudo e de todos são crentes imaturos, fracos, débeis. Venham a Jesus e peçam para que Ele cure a sua alma, mude o seu modo de pensar. O tempo de reclamar já terminou. Há uma carreira a seguir, há uma vitória a ser alcançada. Dê um basta neste processo de morte na sua vida.

Quando somos cristãos maduros descobrimos que nossa necessidade de atenção é satisfeita quando aprendemos satisfazer as necessidades dos outros.

Creio na cura interior que Jesus oferece. Precisamos de cura de nossas emoções. Precisamos de mentes sadias, mas a cura que vem através de arrependimento, de purificação e da Palavra de Deus.

Não creio num processo de cura interior que me faça recordar de pecados que Cristo Jesus perdou e lançou no mar do esquecimento. Aprendi que se Deus não se lembra dos meus pecados porque os perdoou e os lançou no mar do esquecimento, muito menos Satanás que não é onisciente, que é apenas uma criatura, pode lembrar-se deles. Porque os pecados que Jesus perdoa Ele não somente perdoa, mas purifica e apaga. E por que eu me lembraria deles?

“Se confessarmos os nossos pecados Ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda a injustiça. Se dissermos que não pecamos, fazemo-lo mentiroso e a Sua palavra não está em nós. Meus filhinhos, estas coisas vos escrevo, para que não pequeis e se alguém pecar temos um Advogado (um Consolador, um Conselheiro), para com o Pai, Jesus Cristo, o justo. E Ele é a propiciação (Ele cumpriu a nossa pena) pelos nossos pecados e não somente pelos nossos, mas também pelos de todo o mundo.” (I Jo. 1:9; 2:1-2)

Nem o diabo pode se lembrar dos pecados que Jesus já perdoou e purificou. Se eu aprendesse a ficar com minha boca fechada e não ficasse lembrando e contando os meus pecados do passado o diabo não teria outra fonte para ficar me acusando. “Quanto mais o sangue de Cristo que pelo Espírito eterno se ofereceu a si mesmo imaculado a Deus, purificará as vossas consciências das obras mortas para servirdes ao Deus vivo.” (Hb. 9:14)

Recusem-se meus irmãos, de ficarem lembrando e contando os seus pecados nem permitam que outros assim façam. “Quanto ao mais irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude e se há algum louvor, nisso pensai.” (Fp. 4:8)

Este espírito de pseudo-aconselhamento que atua hoje no meio do povo de Deus precisa ser desmascarado.

Jovens especialmente que por causa das lutas e tentações que enfrentam precisam de aconselhamento cristão, devem procurar seus pais e mães e na igreja por líderes que não estão envolvidos em desavenças e são submissos. Saiba de uma coisa, se você não encontrar amigos na sua família e na Igreja você não encontrará em nenhum lugar. Não quero dizer que você não possa ter amigos não cristãos, mas somente amigos cristãos podem ministrar a você vida e libertação. O mundo não tem nada para de oferecer espiritualmente, senão morte e perdição. E se você precisa de aconselhamento procure os pastores da igreja, procure irmãos e irmãs que tenham um testemunho confiável.

Há uma provedora de Internet nos Estados Unidos que no seu “site” aparece sempre escrito. “Nenhum funcionário da empresa irá pedir sua senha de acesso e pedir informações sobre a sua conta.”

Assim saiba de uma coisa: nenhum conselheiro cristão, cristão mesmo, irá tentar saber os seus pecados do passado dos quais você já se arrependeu e dos quais você já foi perdoado e liberto por Jesus.

Quando eu ministro libertação para alguém opresso ou possesso pelo diabo eu busco principalmente o discernimento e revelação do Espírito Santo sobre a sua vida. Além disto procuro informações de pactos que a pessoa tenha se envolvido no passado ou até de experiências que envolveu diretamente a ação do demônio na sua vida, mas não mais do que isto. Conhecidos estes episódios ou fatos, ministramos a devida libertação. Mas jamais posso expor a vida e os pecados desta pessoa publicamente ou até mesmo tomar conhecimento de algo que não me interessa saber porque aquilo que não trará benefício a pessoa não pode me interessar.

Cuidado com conselheiros que geralmente são muito curiosos e perguntam demais, pois influenciados pelo espírito de pseudo-aconselhamento irão te expor e terão você nas mãos de tal modo que você ficará com medo de que eles possam usar o que sabem da sua vida contra você.

Jesus nunca expôs publicamente o pecado daqueles que vieram até Ele. Jesus os tratou com amor e respeito, sempre buscando a sua libertação e seu arrependimento para que pudesse libertá-los.

Não conte a ninguém pecado algum do qual você já tenha se arrependido. O escândalo é o propósito principal deste espírito de falso aconselhamento. Pecado perdoado e purificado por Jesus é pecado apagado. É pecado que deve ser esquecido.

E se algum conselheiro contou aos outros os seus pecados e o escândalo veio a acontecer e você sabe que errou, apenas admita que você pecou, mas somente confesse publicamente que você se arrependeu e não seja tentado a justificar-se contando o que aconteceu. Se o seu pecado perdoado não interessa a Deus, muito menos deve interessar a ninguém.

Outro aspecto sobre aconselhamenteo que desejo mencionar. Há uma tendência muito grande hoje em se procurar orar com profetas. O que de fato não é errado nem ruim. Mas, procure saber primeiro se o profeta é profeta de Deus.

Como você sabe se o profeta é de Deus?

Primeiro, veja se o profeta está integrado na igreja. Procure saber se alguns líderes da Igreja, pastores, homens e mulheres de Deus que você conhece e respeita reconhecem tal profeta ou profetiza. Existem hoje muitos “profetas particulares” que se assemelham mais é com estes gurus da televisão, dos disques 900 da vida.

Não existe profecia divina fora da Igreja. A profecia só é profecia se é ministrada no âmbito do Corpo de Cristo. Ou seja, profetas à parte são tumores, não pertencem ao Corpo. Se o homem ou a mulher é profeta de Deus ele ou ela tem comunhão com o povo de Deus. Você facilmente os encontram na Casa de Deus. O que profetiza profetiza abertamente. O pastor pode ficar sabendo. Sua profecia não é segredinho que a liderança da igreja não possa saber. Geralmente, estas profecias secretas vem afirmando, por exemplo, que o tempo de tal pastor ou pastora na igerja acabou e o crente magoado ou que não concorda com o pastor sai feliz da vida satisfeito com a tal da profecia. A profecia de Deus é pública. Tudo o que não pode ser revelado à Igreja é do diabo. É o diabo quem anda na sombra e nas trevas. Portanto, procure saber se o profeta ou profetiza está integrado e tem comunhão na Igreja. Se não tem comunhão e não está intregado à igreja não é profeta de Deus.

E em segundo lugar, procure saber dos frutos e do testemunho destes profetas. Jesus mesmo advertiu: “Acautelai-vos porém dos falsos profetas, que veem até vós vestidos como ovelhas, mas interiormente são lobos devoradores. Por seus frutos os conhecereis.” (Mt. 7:15-16)

E em terceiro e último lugar, o profeta para ser de Deus ele precisa conhecer a Palavra de Deus, a Bíblia. Se um profeta não conhece as Escrituras, ou seja, se ele não pode ensinar a você as doutrinas da Bíblia ele não merece crédito. Um profeta que fala em Nome de Deus, que no sentido principal da palavra é a Voz de Deus e não conhece a Palavra de Deus, é somente cheio de boa vontade, mas não é profeta de Deus. Ainda que, preste atenção, ainda que um dia ela possa ter profetizado não é profeta de Deus, pois a mula de Balaão profetizou somente uma vez também e depois disto nunca mais, porque era mula e não profeta. “Porventura colhem-se uvas dos espinheiros ou figos dos abrolhos?” (v.16) Portanto, não se deixe enganar, porque Deus colocou ao seu lado profetas, pastores e mestres para aconselhá-lo.

E não se esqueça. Existe um Confortador, Consolador e Ajudador Divino, o maravilhoso Espírito Santo que cura nosso passado num só instante. Ele não levará dez sessões para nos curar se realmente nos submetermos a Sua ação sobrenatural de limpeza e pureza.

Nós encontraremos cura e restauração em Deus para podermos servir ao Corpo de Cristo, à Igreja. E estaremos livres de todo espírito imundo que intenciona impedir que participemos do Grande Avivamento que está sendo derramado em toda a terra.

4 comentários:

Jacob Almeida disse...

Muito obrigado pela sua gentileza. O seu tema me produz muita atenção e ainda não consegui entenderlo completamente.
Deus o abançõe cada dia mais e mais. Grato em CRISTO. Jacob Almeida
jacobemelda@hotmail.com

Hosana Brito disse...

Querido pastor Josimar Salum
Shalom!

Sou a missionaria Hosana que esteve na Siberia e agora no Brasil trabalhando com plantaçao de igrejas e evangelismo. Como o senhor sabe, sou psicologa, atendo tambem quando ha casos necessarios na igreja, mas como missionaria-psicologa, penso e sempre pensei exatamente assim: que o sangue de Jesus foi, eh e sempre sera a terapia mais completa e profunda que o homem jamais conheceu e se traduz literalmente quando Jesus susurrou na cruz : TUDO ESTA CONSUMADO! Amado, para o homem da pos-modernidade eh muito mais confortavel ir para o aconselhamento ou terapia onde ele pode driblar e amaciar a curto´prazo a culpa e o pecado em vez de corajosamente declarar-se pecador, arrepender-se de verdade e sujeitar-se ao jugo de Jesus. O que estas pessoas ainda verdadeiramente nao descobriram eh que o jugo de Jesus eh suave, leve. Mas, o jugo do engano e pecado eh o gerador das novas doenças somaticas e psiquiatricas em geral.
Por optar por esse vies eh que continuo rejeitando as propostas de trabalhar secularmente como psicologa e estou mais e mais convencida de que nestes ultimos dias minhas energias e força serao dirigida para alçar a bandeira do Reino de Deus o mais alto que eu puder.
Foi um prazer imenso ler o seu artigo! me senti mais referendada naquilo que eu acredito!
Oro sempre por seu ministerio
Fique com Deus
muita Paz
Hosana Brito

hosana_brito@yahoo.com.br

Kellen disse...

Bom dia...

Adorei receber esta mensagem, envie-me sempre que possível. Revele-se, pois não estou lembrando de Josimar.

Abraços Kellen
kellenbeatriz@ig.com.br

Carminha disse...

Bom Dia!
Que presente maravilhoso recebi hoje logo pela manhã ao abrir minha
caixa de mensagens e receber esta maravilhosa orientação do Espírito
Santo de Deus por meio de sua vida caro irmão.
Como é importante conhecermos e discernirmos estes espíritos malignos
que tanto tem atormentado e manipulado nossos jovens, adolescentes e
adultos. O povo tem sofrido sem nem imaginar o que o está manipulando.
Trabalho com adolescentes em minha igreja e tenho me preocupado muito
com a maneira sutil e diabólica que este espírito tem atacado nossas peque-
nas adolescentes. Seu e-mail foi muito esclarecedor e vou usá-lo, com certeza,
para abrir os olhos de nossos adolescentes que são nada mais nada menos que
o futuro de nossas igrejas.
Obrigada meu irmão, espero poder contar sempre com mensagens assim.
A Paz de Cristo Jesus esteja contigo.
Carminha
karminha12@hotmail.com