05 dezembro 2007

CORAGEM PARA SER TRANSFORMADO

Não posso parar de aprender. É o aprendizado constante que me faz vibrante, ativo, entusiasmado. É preciso buscar sempre novas coisas, desafiar limites, expandir, caminhar para frente, desenvolver.

Deus me fez assim: inteligente, pensante, criativo, apto para exceder, inspirado para triunfar, ávido para descobrir, capacitado a renovar e pronto para recomeçar sempre que preciso.

Para transformar e ser transformado, para agenciar mudanças e ser mudado, para romper com velhos paradígmas e aceitar o novo.

Para experimentar a agradável, boa e perfeita vontade de Deus sou exortado a não me conformar com o mundo, mas a transformar a mim mesmo pela renovação de minha mente.

Convicções que eram baluartes foram substituídas por outras num processo de metamorfose que provocou em mim muito desconforto, insegurança e renúncia. Para melhor.

Nestes processos de metamorfose, descobri que “as verdades” que cria eram de fato o absoluto de tradições humanas que um dia aceitei, sem questionamento, porque era criança. Todavia, na medida que cresci, digo, comecei a pensar, abrí-me para o novo da Revelação da Palavra, e reputei-as como mitos.

Ainda hoje admito que nem tudo o que creio é Verdade infalível da Palavra de Deus. Assuntos escatológicos, por exemplo, alimentados pela fantasia desta geração “deixados para trás” não me convencem nem um pouco. Fico aqui muitas vezes perguntando como as contradições, e as questões não respondidas, e as datas marcadas, esta miscelânia dispensacionalista deste escapismo horroroso podem estar baseados na Palavra de Deus!

Aqui corro o risco de ser tido como herético, cético, inimigo do arrebatamento, etc. Não me importo, já que decidi ser livre para procurar a Verdade, e assim sendo, questionar todas as confissões de fé, as vacas sagradas e os paradígmas ao meu redor.

Decidi não me conformar com este mundo - o que não é Reino de Deus. Nas esferas da criação existem o mundo e o Reino de Deus. Um dia os reinos deste mundo se tornarão o Reino de Deus e de Seu Ungido, mas no momento este é distinto daquele.

Vivo constantemente desafiado por Jesus a não viver segundo o mundo, porque “o mundo passa e as suas concupiscências, mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre.”

Decidi transformar a mim mesmo pela renovação da minha mente. Sou então incomodado a pensar diferente, a questionar “os absolutos da fé e da doutrina.” Sou motivado a repensar a teologia, sem medo de perder a Fé, porque a minha fé não é credo, uma confissão de Fé, mas confiança absoluta numa Pessoa, que é Jesus de Nazaré, o Filho de Deus. Posso até perder a doutrina mas não perco o Evangelho. Posso rejeitar as declarações de fé e os credos sem rejeitar a Palavra que Deus exaltou até sobre Seu próprio Nome. O Evangelho, a Palavra, é uma Pessoa!

Não preciso simplesmente aceitar o que me dizem, principalmente se tem sido ensinado pela maioria dos pregadores. Verdade não é verdade porque a maioria resolveu interpretar como verdade. Porque se petrificou como verdade ou convencionou-se a chamar de verdade. As religiões mais fanáticas na terra são alimentadas por fundamentalismos que não podem jamais ser questionados, contraditados e nem sofrerem qualquer oposição sob risco de vida.

“Entendes tu o que lês?,” ainda é a pergunta de Filipe a todos que estão viajando na carruagem da vida. “Examinai tudo” ainda é a exortação de Paulo a todos os que tiveram a coragem de parar a carruagem para buscar respostas para os mistérios do Evangelho.

Decidi que vou crer somente naquilo que entendo. A Fé não é cega, irracional, “um salto no escuro”, porque a Fé vem pelo ouvir a Palavra de Deus.

Decidi que continuarei confiando na Pessoa de Jesus mesmo não entendendo ainda muito, mesmo não tendo respostas para tudo, mesmo tendo que às vezes engulir em seco minhas dúvidas.

Neste exercício contínuo é tão bom reconhecer minha humanidade com todas as suas contradições, é tão bom saber que não sei tudo, que não posso tudo, que sou fraco como devo ser, sendo levado a este sentimento gostoso de dependência de Deus.

Decidi questionar, pensar e racionalizar até mesmo o que Deus me diz. Como uma criança questiona o Pai o que não entende. Porque o Pai ama dialogar com Seus filhos, se satisfaz em contemplar a inteligência deles, aquela medida de coragem e ousadia que têm em perguntar tudo o que querem, pois só assim experimentam a descoberta do que não sabem.

“Invoca-Me e Te responderei, anunciar-Te-ei coisas grandes e ocultas que não sabes.”. Resolvi, então, perguntar tudo o que quero e a descrer do que não entendo sem me sentir culpado.

14 comentários:

paulusdorus disse...

É isto aí, homem de Deus! Continue nesta busca, pois estamos no mesmo barco. Nada de aceitar enlatados sem crítica.
Um abraço,
Paulo Emanuel.

Francisco Franco disse...

Obrigado pela reflexão Josimar.
Um belo convite à tolerância.
Abraço,

José Francisco.

nazareth.santos disse...

Concordo plenamente, não temos que concordar com tudo: "Jesus é o caminho, a VERDADE e a vida" portanto qualquer dúvidadevemos perguntar a ELE, tenho certeza que seremos ouvidos. um grande abraço.

Anônimo disse...

Não posso "descrer do que não entendo" porque tem muita coisa que não entendo e se não acreditasse nestas coisas mesmo sem entender, então não havería muito no que crer. Talvez creio porque ao perguntar a Deus, Ele revela um significado maior do que posso entender, então por isso devo crer. O segredo é a revelação que só Jesus dá...não entendo, mas creio.
Obrigado por suas palavras. Trazem inspiração. Continue.

Waldecy disse...

Nestes processos de metamorfose, descobri que “as verdades” que cria eram de fato o absoluto de tradições humanas que um dia aceitei, sem questionamento, porque era criança. Todavia, na medida que cresci, digo, comecei a pensar, abri-me para o novo da Revelação da Palavra, e reputei-as como mitos.



Gostei de tudo, sobremaneira o verso acima, pois representa a minha luta conta as tradições humanas que vêm adaptando o Evangelho ao mundo moderno, quando tem de ser absolutamente ao contrário, mesmo que o mundo ainda dure um milhão de anos.



Por exemplo: quase tudo no catolicismo, minha antiga opção, por 40 anos, a religião do visual, está fundamentado em mitos e tradições. Até o domingo, que não tem na Bíblia, é tradição e não revelação.



É com pesar que vejo e ouço até pastores evangélicos pregarem, principalmente os famosos da TV, os ídolos para os desavisados, pois esses deixam soltar verdadeiras “asneiras” espirituais de doer e muita delas ingressam num tipo de idolatria velada, tais como rosa abençoada, óleo ungido, água do Jordão, etc. etc.



Até em minha congregação a IASD, depois do culto tive de chamar a atenção dele, pois durante a pregação ele deixou escapar, falando de sabedoria, que sem ela o homem e a mulher podem errar novamente ao procurar um novo relacionamento, um novo casamento.



Disse a ele que, da forma como ele colocou o pensamento, parece que legitimou a liberação de um novo casamento à vontade, passando sobre Jesus em Mateus, 9.19, e assim vamos levando.

E assim vamos levando, amém.

Waldecy
netsimoes@terra.com.br

Pr Jesus O. Bezerra disse...

Caro colega Josimar Salum

Estou contigo meu companheiro do Reino.
Como um apaixonado por Escatologia, estou convicto que a Igreja do Senhor Jesus
passará pela Grande Tribulação... Estou concluindo meu segundo livro escatologico cujo conteudo possui capitulos sobre a Escatologia Primitiva.... A Igreja precisa ser advertida que
passará pela Grande Tribulação pois ate a Escatologia Biblica foi afetada pelo Evangelho da Prosperidade.
Continuemos Pregando o Evangelho do Reino
Um forte abraço
Pr Jesus O. Bezerra- candidato a servo inutil
www.ministerio.nascerdenovo.com

Raquel disse...

Prezado Josimar,

Gostaria de continuar recebendo essa mensagens TRANSFORMANDO” periódico enviado pelo Ministério GREATER REVIVAL MINISTRIES (Advancing God’s Kingdom. Transforming Society).

Mesmo não te conhecendo, quero dizer-lhe que já faz mais ou menos 8 anos que estou nesse processo, nessa coragem para ser transformada, para experimentar a agradável, boa e perfeita vontade de Deus na minha vida e a não me conformar com o mundo, mas a transformar a mim mesma pela renovação de minha mente.

Nasci em um lar cristão, dentro da Igreja, sou filha de Pastor, e sempre estive muito centrada na Bíblia mas que eu vi é que, para alcançar a Vida Cristã Abundante eu precisava romper com alguns paradígmas e aceitar o novo. Muitas verdades que eram na verdade tradições humanas, que um dia aceitei, sem questionar, foram necessárias serem renovadas, abrí-me para o novo da Revelação da Palavra, e eu vejo que tudo isso que aconteceu comigo e continua a acontecer, é uma consequência da minha busca por uma transformação, "METAMORFOSE", que com certeza, acontecerá na vida daquele que busca conhecer Deus através de uma experiência pessoal, e não através da experiência das pessoas que viveram antes de nós.

Que Deus continue lhe abençoando nesse processo de transformação espiritual.

Rachel Machado
Sou brasileira, moro no Brasil.
rmcoach@hotmail.com

Paulo Doro Pereira disse...

Que boa palavra e que boas perspectivas.
Possa o nosso bom Deus iluminar cada dia os seus pensamentos e que palavras como estas sejam abundantes em sua vida.
Um abra�o.
Paulo Doro

Marcos Aurelio Nogueira disse...

Escreveu igual a gente grande, gostei, apenas discordo de um ponto, mas continuo seu amigo.kkkkkk

Marco Aurélio Nogueira

Eduardo Alves disse...

Bom Dia Sr. Josimar Salum

Recebi esta mensagem sua, infelizmente nao moro mais nos USA, ja estou de volta ao Brasil, estou sempre entre Sao Paulo e a Paraiba. Mais faco minhas as suas palavras, e gostaria de poder ter um maior numero possivel de informacao, e talves a indicacao de onde encontrar aqui no Brasil tais informacoes dentro deste contexto que hora me foi passado pelo senhor.

Aguardo seu contato.

Obrigado, e fique na paz do Senhor Jesus Cristo!

Eduardo Alves
eduardohalves2020@hotmail.com

Paulo disse...

Graça e paz.

Parabens pela coragem é só desta forma que há transformação. Vejo que tens a revelação de quem é Jesus. Só estes se renovam, pois todods que entenderam que Ele é o verbo que recebeu o nome Jesus na sua encarnação é que passam amar a sua Palavra e a viver por ela. Quero falar mais sobre isto com voce pois vejo que desta maneira Deus esta me mostrando quem são os se mil que não dobram os joelhos a Baal dentro de cada geração. Parabens vás em frente pois são com estes que Deus vai contar para marcar uma geração.

Paulo
paulo_cesar1310@hotmail.com

eframar@ig.com.br disse...

Shalom Chaver !

Paz Amigo !

Estou fisicamente distante kilometros e kilometros de vc. aqui em Rib Preto - SP - Brasil
Mas este e-mail nos aproximou de maneira especial
Vc colocou alguns que são comuns a minha pessoa e isto me alegrou. Saiba somente disto

YESHUA. O Messias .. Ele nos une !
A parede de inimizade . Ele Derrubou .. Ele é Nossa Paz

Fique tranquilo, amigo.. Não temos necessidade de saber tantos porquês. A Nossa necessiadade é apenas obedecer. o ETERNO NOSSO D-US. e os ensinos no Maior Rabino de todos os tempos, Seu Filho Amado !

Abraços !
Rosh Efraim
BEIT MASHIACH - Rib Preto

Zozimo Duarte disse...

Boa tarde Josimar.

Gostei muito do texto abaixo e irei refleti-lo passo a passo, pois estou precisando de uma transformação em minha vida. Este chegou em uma boa hora.

Grato,
Zózimo
zozimoduarte@gmail.com

Roberto Souza disse...

Pr. Salum,



Parabéns por sua coragem.



À semelhança do irmão, também discordo do malabarismo escatológico tão amplamente praticado e aceito como verdade absoluta. E quando alguém apresenta algo diferente, um posicionamento mais sólido e embasado numa hermenêutica mais adequada do que a da “colcha de retalhos” e dos textos de prova, geralmente esse alguém é olhado como quem está em desacordo com o que “a Bíblia diz”.



Por causa de mensagens como esta e outras que o irmão tem enviado, gostaria de continuar recebendo os artigos do “TRANSFORMANDO”.



Um abraço,



Roberto Alves de Souza

Ethnic Church Planting / Evangelism

Baptist Convention of New England

508-393-6013, ext. 242

rsouza@bcne.net

www.bcne.net